Fechamento - Maio 2013

sábado, 1 de junho de 2013

O mês até que começou bem e lá para o dia 20 eu estava com mais de 3% de rentabilidade, mas aí as 2 últimas semanas judiaram, especialmente os 2 últimos pregões (29 e 31/05). O tempo fechou e minha carteira começou a derreter, mas nada que abale minha confiança no mercado de ações.

Este mês eu encerrei minha posição no fundo de ações, conforme explicado no post Ajustes Maio 2013. Com isso a carteira ficou dividida somente em 2 partes (1-carteira de sócio/longo prazo e 2-carteira de trade/médio-curto prazo), conforme abaixo:


1) Carteira de Sócio

Rentabilidade no mês: -2,21% (Ibovespa -4,30%)
Rentabilidade acumulada 2013: -3,06% (Ibovespa -12,22%)

Esta carteira tem uma composição mista de blue chips e ações defensivas. Neste mês uma boa parte do aporte foi nas ações ligadas a commodities (VALE5, PETR4 e GGBR4), uma vez que estas ações estão bem descontadas. Por um momento eu achei que a estratégia (que é de longo prazo) já daria certo agora, pois estas ações começaram a se recuperar, mas no final do mês a situação se inverteu e estas ações foram as que mais sofreram.

Tento manter uma proporção de 50% da carteira nas blue chips VALE5, PETR4, ITUB4 e GGBR4, com o restante em ações que misturam crescimento, defensivas e com dividendos CIEL3, NATU3, GETI4, AMBV4 e CCRO3. Estou analisando esta estratégia e possivelmente eu reduza a proporção das blue chips para 40%, concentrando meus próximos aportes no outro grupo, mas ainda não tomei a decisão.

Os destaques positivos no mês foram GETI4 (+15,96%) e ITUB4 (+5,95%). Já as ações que mais cairam no mês foram GGBR4 (-16,51%) e VALE5 (-12,22%)  

Veja abaixo como está a carteira de sócio:




1) Carteira de Trade

Rentabilidade no mês: -5,38% (Ibovespa -4,30%)
Rentabilidade acumulada 2013: -4,76% (Ibovespa -12,22%)

Neste mês eu montei esta carteira esperando uma recuperação do Ibovespa e certamente isso foi o fator que levou a carteira a um desempenho tão horrível. Enquanto o Ibovespa está subindo, eu estava tendo um desempenho ótimo, mas quando caiu a carteira foi junto, ou melhor, despencou.

GOAU4 foi um exemplo disso pois chegou a ficar positiva no mês e repentinamente fechou o mês em -16,29%. HGTX3 e BRML3 também tiveram quedas significativas (-5,89% e -7,37%, respectivamente). Estas últimas, por tratarem-se das ações com maior peso nesta carteira, acabaram sendo as responsáveis pelo resultado. 

Outro movimento interessante foi a realização de lucros em UGPA3. Esta é uma empresa excelente, mas avaliei que já não tinha mais tanto espaço para subir. Em contrapartida substituí por uma composição de CMIG4 + ELPL4, pois estou acreditando que as elétricas vão começar a se recuperar em algum momento. Durante boa parte do mês esta mudança foi ótima, pois as duas estavam com valorização média de +9%, mas as duas também não resistiram ao final do mês e fecharam com rentabilidade de +2,17% para CMIG4 e -2,57% para ELPL4.

Veja abaixo a composição da carteira de trade.



Rentabilidade Geral

A rentabilidade geral da carteira foi de terríveis -2,97%. Apesar de muito ruim, ainda assim melhor que o Ibovespa que foi -4,30% no mês de maio.

No acumulado do ano, minha carteira está em -4,73%, enquanto o Ibovespa já acumula queda de -12,22%.

Veja abaixo o gráfico que representa a rentabilidade mensal e acumulada da carteira (vermelho) e Ibovespa (azul)



Conclusão

Como minha carteira está posicionada aguardando uma recuperação do Ibovespa (que parece que nunca vem), ela está sujeita a sofrer nas situações em que o índice vai mal. Estou reavaliando minha posição, principalmente após os resultados pífios do PIB brasileiro e outros indicadores macro-economicos pelo mundo.

Fiquei feliz em ver que vários colegas blogueiros sobreviveram ao mês de maio. Infelizmente não tive a mesma sorte, mas espero que junho possa me dar mais alegrias!

Importante:
Este material tem propósito meramente informativo. Não consiste em recomendação financeira ou estratégica para investimentos. Para saber mais sobre as opções de investimento e receber recomendações, procure uma instituição financeira com profissionais habilitados.

18 comentários

  1. Desanima não, parceiro! Continua fazendo o dever de casa que os resultados aparecerão assim que a tempestade perder força! Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi LdL, obrigado pela visita e comentários.
      Acho que ainda não é o momento de desanimar, pois vejo a bolsa de valores brasileira como uma grande promoção, mas é fato que não está andando, então dá pra ficar um pouco angustiado com os resultados que não vem.
      Pra dizer a verdade estou bastante desanimado com os rumos do país, pois não estou vendo uma recuperação e consequente "círculo virtuoso" no curto prazo, principalmente com estes governantes atuais. Vamos ver!
      Abraços,

      Blog Economicamente Incorreto
      http://economicamenteincorreto.blogspot.com.br

      Excluir
  2. Muito bom seu blog. Vim parar aqui lendo seu endereço no pobretão. Sua exposição nessas blue chips em baixa é o que te leva a estar no vermelho. Não critico, estou aqui para aprender, penso que sua decisão por essas empresas foi pela solidez, foi isso? ex: petr, ggbr, vale. De qq maneira a estratégia parece boa em diversificar duas carteiras uma de risco com tamanho menor e outra, maior e de menor risco.
    Outra dúvida, eu levo a sério qdo Buffett fala que diversificar são 5 açoes. Pelo visto vc prefere ser mais cauteloso e diminuir seu risco com mais açoes. Montei uma carteira com 50000,00 e devo ter 6 ou 7 açoes. Agradeço pelo seu ótimo blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arlindo, primeiramente obrigado pela visita e pelos comentários.
      A opção pelas blue chips é um misto de confiança na solidez destas empresas com o valuation que está bastante descontado devido ao cenário macro-econômico. Penso que estas empresas no longo prazo vão se recuperar e quem teve a oportunidade de comprar agora deverá ter boas novidades neste futuro distante.
      Com respeito a diversificação, eu também não acredito muito em diversificação, pois tenho apenas 9 ações na carteira de sócio, que são basicamente as ações em que faço buy & hold. Creio que um número em torno de 10 ações para B&H seja o ideal. mais do que isso é correr risco desnecessário.
      Já para a carteira de trade, a idéia é diversificar menos, pois com estratégia de curto prazo, você tem que tentar maximizar os ganhos, com o ônus do risco que também é maior. Por outro lado, como o que faço é trade de valor, ou seja, busco empresas boas que estão passando por um aperto (exceto OGX e PDR que é pura especulção), não vejo muito problema em ter uma certa diversificação. Eu estou tentando reduzir, mas ainda não consegui. O objetivo é ficar em no máximo 6 ou 7 empresas nesta carteira de curto prazo.
      Abraços,

      Blog Economicamente Incorreto
      http://economicamenteincorreto.blogspot.com.br

      Excluir
    2. Obrigado pela resposta, vc me parece muito consciente, vou falar para vc o que eu mesmo não estou fazendo. SEmpre que mudar posição qq anote, pois assim a gente nao esquece pq tomou a decisão e isso dá confiança nas decisões. Acho que nós temos que ter muita paciencia se quisermos ser bem sucedidos neste mercado, pois perder muito faz a gente tomar decisoes erradas e ganhar muito também. De qq maneira, a gente sabe que não é fácil investir em ações.
      Abraços.
      Atualmente estou com: geti3, taee11, tble3, bbdc4, ciel3, pomo4(somente 5%)

      Excluir
  3. olha cada dia conheço blogs mais legais, e com isso vejo o conhecimento de cada um, vou começar a acompanhar seu blog achei muito interessante.. Estou no inicio de construção de patrimônio, poderia estar melhor mais enfim, para uma pessoa que tem vontade de iniciar, qual seria sua dica? claro se possível. tenha uma excelente semana paz e luz.
    http://comoguardardinheiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renan, seja bem-vindo. Obrigado pela visita e comentários.
      A ideia do blog é essa mesma, de compartilhar experiências e decisões, que no final podem contribuir para o aprendizado de outras pessoas.
      Eu gostaria de poder compartilhar mais informações, como por exemplo os valores em $$$ da carteira, mas infelizmente tenho receio de expor excessivamente minhas informações pessoais e com isso colocar em risco a segurança de minha família.
      A dica para quem quer começar é a mais simples possível e como dizem, para uma longa jornada, o início será sempre com um primeiro passo. Acrescento ainda que para uma longa jornada, o importante é não parar de andar, pois a cada passo, em tese, você está um passo mais próximo de seus objetivos, mesmo que distantes.
      Eu comecei assim em 2004, quando praticamente um recém casado, eu comecei a juntar um pouco de dinheiro todo mês, religiosamente, com isso já consigo visualizar um patrimônio relevante agora e boas perspectivas para o futuro. Além disso, tenho um controle onde no primeiro dia útil de cada mês eu registro os saldos de minhas contas e investimentos, assim, após alguns anos, você consegue ver resultados mais tangíveis.
      Abraços e bons investimentos,

      Blog Economicamente Incorreto
      http://economicamenteincorreto.blogspot.com.br

      Excluir
  4. Excelente visual do blogue. Quanto à rentabilidade, os meses de queda são fundamentais para aquisição de papéis mais baratos, como é óbvio no mundo das finanças. É para copmprar de pá.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo "O idiota", enquanto a bolsa está andando de lado (ou caindo), estou aproveitando para fazer aportes mais gordos. Algum dia ela vai dar uma estilingada pra cima, então deverá ser o momento de aguardar um pouco para uma nova oportunidade de "comprar de pá", como você bem disse.
      Agradeço a visita e os comentários.
      Sigo firme em meu objetivo de conquistar a independência financeira, que apesar de distante, vejo como concreto e possível para os próximos 10 anos.
      Abraços,

      Blog Economicamente Incorreto
      http://economicamenteincorreto.blogspot.com.br

      Excluir
  5. A maioria dos blogueiros sofreu neste mês. Quedas fazem parte da jornada.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo AdP, realmente não foi um mês muito fácil, mas paciência é uma virtude que não me falta. Além de tudo, o aprendizado tem sido muito valioso.
      Obrigado pela honrosa visita e comentários grande mestre das planilhas do sistema de cotas.
      Abraços,

      Blog Economicamente Incorreto
      http://economicamenteincorreto.blogspot.com.br

      Excluir
  6. Muito bom o blog, com visual bem "clean".

    Sua carteira de B&H é sólida e diversificada. A grande diferença entre as nossas é a exposição ao setor de empresas cíclicas. Eu tenho cerca de 15% nesse setor. Já vc tem o 1/3 da carteira exposta a commodities. Citei esse fato apenas a título de observação, já que não tem nada de errado nisso.

    Vc não divulga números? Sua carteira de trade parece grande. Vc faz alguma gestão de capital nela? Sem isso, mesmo que vc seja um bom trader, irá perder dinheiro.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  7. oi Troll, valeu pelos comentários sérios, sem "trollagem", rsrs

    Como eu disse, tenho aportando nos setores cíclicos porque estão muito descontadas e me parece que quando a economia global voltar ao normal (nem estou dizendo em aceleração), a desconfiança nestas empresas diminuirá e os "valores justos" serão atingidos. Esta é uma teoria, mas não posso afirmar que está correta, por outro lado sinto uma certa segurança em aportar nestas empresas com os preços atuais que considero "promocionais".

    Infelizmente não divulgo números, pois não me sinto confortável pela questão da segurança pessoal. Tudo bem que as pessoas que me cercam certamente tem uma ideia do meu patrimônio, pelo carro que tenho e por onde moro, mas acho demais expor isso na web e em algum momento, posso cometer um deslize e correr o risco de ter minha identidade revelada. Uma dica que posso dar é que não opero no fracionário, portanto dá para tirar uma conclusão do tamanho da carteira .... acho que já falei demais!

    Quando pergunta se faço alguma "gestão de capitais", o que quer dizer? se faço stop loss? na realidade a minha carteira de trader está baseada, na maior parte, em empresas boas e lucrativas passando por momento difícil, portanto tento controlar o risco desta maneira. Por outro lado, quando tenho um valor um pouco mais significativo, tento manter a realização de lucros em torno de 15-20% e stop loss entre 12 e 15%, mas não é uma regra tão rígida assim, pois depende da empresa e do tamanho do aporte. OGXP e PDGR3 pra dizer a verdade tenho tratado um pouco como "brincadeira" puramente especulativa para ver até onde vão. não vou perder muito mas também não vou ganhar muito, mesmo que subam 100%.

    Valeu pela honrosa visita e comentários tão interessantes.

    Abraços,

    Blog Economicamente Incorreto
    http://economicamenteincorreto.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os grandes autores de livros sobre análise técnica dizem que não se deve arriscar mais do que 2% do capital numa única posição. Vc tem várias posições abertas e elas parecem corresponder a uma parte relevante do seu capital.

      Mas vc parece adotar uma estratégia de trade que se baseia em fundamentos. Algo parecido com o que minha ex-musa Dona Ostra fazia, mas eu creio que ela tinha ajuda profissional para isso. Penso que se a empresa é boa, deve-se ficar sócio enquanto ela permanecer assim. Realizar lucros de 10% podem limitar muito seus ganhos no longo prazo.

      Um abraço!

      Excluir
    2. Troll,
      A minha estratégia na carteira de trade é esta mesma, buscar empresas boas que estejam desvalorizadas, esperando uma oportunidade de curto/médio prazo para realização de lucros, ao estilo "Os Axiomas de Zurich", por isso a questão dos 2% em uma única posição não é muito relevante. Tento seguir a risca os axiomas de vender sempre cedo demais e não ficar prezo em uma posição perdedora. Sair com prejuízo é a parte mais difícil, pois se a empresa é boa é realmente difícil sair e assumir o prejuízo.
      Sobre Análise Técnica, eu penso que é um bom método desde que utilizado com disciplina, pois é uma questão estatística, portanto você deve seguir o que manda o método para ter ganhos. Não acredito em AT aliada a intuição.
      Não tenho acompanhamento profissional, mas acompanho algumas das empresas durante um período, assim como opiniões de analista para tomar as minhas decisões ponderando estes fatores, assim como notícias das empresas.
      Abraços

      Excluir
  8. legal, hj tb tenho uma carteira trades e uma carteira socio, mas a carteira socio é formada por ações de trades que nao deram certo, e acabaram virando b&h, kkk. o q importa é que sao empresas boas, e isto me da uma certa tranquilidade. antigamente fazia trades com empresas ruins, e era obrigado a vender.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. UB,
      Obrigado pela visita e comentários.
      Eu não gosto muito deste método de transformar ações escolhidas para trades, que estão com prejuízo, em ações da carteira B&H.
      Eu prefiro esperar um pouco e mantê-las em trade avaliando constantemente se vale a pena ou não manter a posição ou então desfazer.
      Por outro lado, caso eu viesse a fazer isso, eu contabilizaria o prejú na carteira de trade e abriria uma posição "fictícia" na carteira de B&H a partir daquele ponto. Fictícia porque na pratica eu não faria uma venda e compra no mercando, mas somente na planilha. A rentabilidade geral da carteira não seria impactada, mas penso que seria melhor assim, pelo menos para mim. O fato é que isso seria uma exceção, pois não penso que seja um bom método.
      O mais parecido que fiz com isso foi uma vez com a CIEL3, que comprei para a carteira de trade. Ela caiu uns 15% e resolvi esperar. Quando ela estava se recuperando, tomei a decisão de vendê-la na carteira de trade, mas por outro lado, pelos meus estudos, era uma empresa boa para B&H, então transferi para a outra carteira, contabilizando adequadamente.
      A explicação ficou meio confusa, mas acho que deu pra entender.
      Abraços

      Excluir
    2. Transformar operação trader em operação b&h é um péeeeeessimo método. Não costumava fazer isto mas infelizmente, devido a estas quedas estratosféricas da bolsa, todos os meus ativos caíram, e só não encerrei os trades porque os outros ativos que eu monitoro caíram junto, ou seja, ia vender para ficar com dinheiro parado na corretora. Talvez teria sido uma boa escolha, vender no prejuízo de 5% evitando quedas maiores e ficando com o dinheiro parado esperando a reversão do mercado. Mas foi uma decisão que decidi tomar, e só saberei se foi a decisão mais sensata daqui uns meses. Se as empresas foram realmente bem escolhidas irão se recuperar. Se não se recuperarem é porque ainda não sei escolher empresar por fundamentos e devo apenas praticar trades que é mais fácil.

      Excluir

 

Seguir por e-mail

Posts Populares

Blogs Favoritos

Estatísticas