Compras Julho 2014 e uma dúvida

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Amigos, tenho ficamos meio afastado do blog nos últimos dias, o que me deixa chateado por um lado, pois a interação com a blogosfera tem sido muito importante para meu aprendizado, mas por outro, este afastamento tem sido por uma boa causa (viagem de férias e aumento de trabalho -- por uma boa causa ;).

Tenho tentando me manter afastado do mercado também, pois o acompanhamento de cotações acabava tirando meu foco no trabalho e não posso mais me dar ao luxo disso.

Compras Julho 2014

Este mês fiz aporte/reinvestimento de dividendos em 3 ações, sempre seguindo a metodologia de balanceamento baseado em percentual objetivo de cada ação. O aporte foi de cerca de 2% do valor da carteira e acima do meu objetivo mensal.

Foram compradas as seguintes ações:

Data       Ação    Preço Compra
14/07/14   ABEV3   15,55
14/07/14   CMIG3   17,75
14/07/14   CRUZ3   22,70



Dúvida

Tenho uma dúvida e gostaria de ouvir a opinião de vocês. No passado cheguei a ter 10% da carteira em ações da Petrobrás, mas em algum momento alterei meu objetivo para este papel para 5%. Com aportes em outras empresas e queda acentuada, cheguei a ter menos de 7% nesta empresa. Até aí tudo bem, pois com o tempo eu chegaria ao percentual de 5% com aportes em outras empresas. 

O problema é que a Petrobrás subiu cerca de 50% desde o último fundo (perto de R$ 13,00) e agora estou com um problema, pois ela representa cerca de 9,5% carteira, o que deixa minha rentabilidade muito atrelada a este papel. Não tenho como estratégia a venda para realização de lucro, mas tenho pensado seriamente em vender um pedaço para reduzir o percentual para cerca de 6-7% e com isso deixar a rentabilidade da carteira mais com a cara da minha estratégia e menos com a dependência da Petrobras.

Pelos meus cálculos, pelos preços atuais, levaria cerca de 2 anos em aportes em outras empresas para o percentual da Petro chegar nos 5%, isso se eu não fizer nada (não vender) e o preço permanecer próximo do atual.

Eu gostaria de ouvir os comentários de vocês, não sobre o papel (PETR4) mas sobre o que fazer em termos de estratégia.

Abraços.

Importante:
Este material tem propósito meramente informativo. Não consiste em recomendação financeira ou estratégica para investimentos. Para saber mais sobre as opções de investimento e receber recomendações, procure uma instituição financeira com profissionais habilitados.

37 comentários

  1. Tenho um problema semelhante ao seu, EI.

    Tenho por objetivo possuir 10 ações com peso de 10% cada, mas hoje Vale e Cemig representam quase metade da minha carteira de 8 ativos.

    Como eu me sinto confortável com o $$$ nessas 2 empresas, uso o patamar delas como objetivo para as demais.

    Vai levar mais tempo para balancear toda a carteira, mas o balanceamento em si já é um tremendo incentivo para seguir aportando.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LdL, obrigado pelo comentário. Meu problema é justamente ter "este problema" com a Petro, se fosse com CMIG eu estaria feliz da vida.
      Minha dúvida é sobre manter um papel com tantos problemas com peso tão grande e quase o dobro do meu objetivo (lembrando que se olhar os últimos meses tem sido positivo).
      Abraços

      Excluir
    2. Bem, já que esta exposição não é confortável, você pode levar em consideração os 3 cenários que seguem:

      - vender toda a posição;
      - vender o excedente de uma vez;
      - vender o excedente aos poucos.

      Excluir
    3. Valeu LdL, vender o excedente aos poucos me parece bem razoável.
      Abraços

      Excluir
  2. Simplesmente não mexa em Petr4, EI. Especialmente agora que parece ser o momento de uma guinada no papel. Também tenho Cielo e Bradesco com um grande peso e não penso em mexer nelas por enquanto.

    Se Petr4 desabar e for a 2.5% da carteira, o que você vai fazer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a petro vai voltar la pros 13-14 ate o fim do ano, um passarinho me contou, rs

      Excluir
    2. Troll, é o que tenho feito (não mexer), mas fico em dúvida ainda. Como eu disse, não é por uma questão de preço, mas pode manter a carteira muito dependente de um papel tão ruim. Quando decidi manter a Petro na carteira, o fiz por ser uma blue chip e acho importante ter pelo menos um pouco (no meu caso 5%), por isso estou incomodado.
      Esse ponto de ser um momento de guinada no papel não faz a menor diferença pra mim.

      Se desabar e for para 2,5% da carteira eu naturalmente vou analisar os fundamentos e se tiver "tudo normal" considerando que é a Petro, passo a comprar para equilibrar nos 5%.

      Uó, se voltar para 13-14 tudo bem, minha preocuparção é justamente ser o papel mais representativo da minha carteira no momento, depois de todas estas altas.

      Abraços

      Excluir
    3. mentira E.I., com todo respeito, sua preocupação é realizar um lucrinho e comprar algo mais consistente que com certeza existe, rs

      Excluir
    4. Eu to com o UORREM.. realizar um lucro e bom!!

      Excluir
    5. Uó e Giga, pode ser que meu subconsciente "trader" esteja querendo realizar o lucro, mas minha preocupação consciente é realmente com o peso, pois a rentabilidade acaba "sequestrada" pela Petrobras.

      Sem stress, não vou vender não, afinal como eu falei em cerca de 2 anos provavelmente eu volte a chegar no equilíbrio esperado. 2 anos não é nada para meu plano.
      Valeu!

      Excluir
    6. EI, se você vende Petr4 hoje teria lucro de quanto? e está com ela há quanto tempo?

      Excluir
    7. Troll, nem tenho um lucro tão grande assim, está em torno de 15% sobre meu preço médio. O tempo médio da Petro carteira é 15 meses (média, pois tem aportes mais velhos e aportes mais novos).
      Abraços

      Excluir
  3. O fato e q se vc vender vc dilui a concentracao... isso e bom pq vc aproveita o preco de hoje... e qdo cair vc compra mais a precos melhores. .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TL, entendo, mas não estou interessado em aproveitar o preço, estou preocupado com a rentabilidade geral da carteira e o peso da Petro nesta. Este é o ponto, portanto não sei se vai subir ou cair ...
      Valeu pelo comentário.
      Abraços!

      Excluir
  4. Parabéns pelas compras EI! Acho que você não deveria vender nenhuma ação da Petrobras e direcionar os seus aportes para as outras empresas da carteira. Para mim essa é a melhor forma de realizar esse balanceamento.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. IL, é o que tenho feito, mas ainda tenho dúvidas, pois minha rentabilidade está muito dependente dela.
      Abraços

      Excluir
    2. Apesar de tudo, é fato que a Petrobras é uma empresa boa. Poderia estar MUITO melhor? Poderia, mas ainda assim ela é boa.

      Logo, como grande parte da subida dela foi especulação, visto que os fundamentos não mudaram, acho que não vale a pena vender não.

      Mas o que você decidiu fazer?

      Abraços.

      Excluir
    3. IL, decidi não vender. Apesar de considerar que o peso é grande demais para meus objetivos, sei que isso se ajustará com o tempo. Espero que a experiência de não vender seja boa, mas o mais importante é amadurecer o método e ganhar experiência para o longo prazo.
      Abraços

      Excluir
    4. Acho que você tomou a decisão certa! Até porque, se a anta se reeleger, muito provavelmente teremos uma liquidação de estatais na Bolsa. E até eu vou entrar na festa, rs.

      Abraços.

      Excluir
  5. ô sumido
    ja q perguntou, eu venderia parte da petro para ela ficar em 2,5% da carteira e com o dinheiro compraria mais ugpa, abev e grnd.
    abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uó, por enquanto meu objetivo é 5% então se for vender, vai ser pra ficar mais próximo deste objetivo. Mas realmente estou em dúvida.
      Se vendesse seria justamente para colocar em empresas assim, que já estão na carteira.
      Abraços

      Excluir
    2. então faça isto logo na primeira hora da segunda, e sapeque mais ações realmente lucrativas e menos alavancadas na carteira. se proteja que vem chumbo grosso por aí.

      Excluir
    3. Uó, decido não vender, vamos ver no que dá.
      Valeu, Abraços

      Excluir
  6. TEM Q SEGUIR O TRADE SYSTEM DO BEM

    PONTO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Sonny, mas é exatamente isso que estou fazendo. A dúvida era só pelo equilíbrio pois tenho quase o dobro (proporcionalmente) em Petrobras do que desejo.
      Não vou vender não.
      Abraços

      Excluir
  7. ser ou nãor ser??? O ideal é ter um plano, e agir de acordo com ele.. Afinal tudo pode acontecer...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Giga, estou seguindo e minha dúvida era como lidar com esta situação "não prevista" no plano.
      Vou manter e ver o que dá. Se caiu para 10 eu volto aqui para xingar todos que falaram para eu manter e se subir para 30 também volto, desta vez para zuar os que falaram pra vender.
      Abraços

      Excluir
    2. Por isto que eu sempre vendo metade e fico com metade, se cair ninguem me zoa, se subir mais idem, kkk

      Excluir
    3. Uó, neste caso é o contrário, em qualquer situação você será zuado, se subiu é porque deixou de ganhar pois não deveria ter vendido nada, se caiu é porque vendeu só metade ... rsrsrs

      Excluir
  8. Fala EI,

    acho que ninguem pode opinar em sua decisão de comprar ou vender - seus xngar ou zombar também nao trara a indp financeira... o seu plano solido de acao ja testado com lucros - esse sim podera trazer sua independencia!!!

    abracoo e estamos todos juntos



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Giga, nada disso trará a IF. Minha pergunta é mais para me me ajudar a tomar uma decisão baseado na opinião dos colegas. Além disso, percebo que várias pessoas ficaram em dúvida sobre o que fazer, então vale a discussão de ideias.
      Abraços

      Excluir
  9. Incorreto,

    Antes ficava preocupado em não conseguir balancear apenas com novos aportes. Atualmente a experiência que estou tendo é possível sim, mesmo que demore um pouco mais. Ainda mais que vou investir por pelo menos mais uns 15 anos.

    Vc disse:
    "9,5% carteira, o que deixa minha rentabilidade muito atrelada a este papel" .

    Não acho que influencia tanto na rentabilidade. 9,5% é uma parte pequena da carteira.
    Eu não venderia as PETR4 no seu caso.

    Abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. JS, decidi fazer o balanceamento somente com novos aportes, sem vendas, pelo menos se os fundamentos da empresa não mudarem drasticamente. Não é o caso da Petro, pois os fundamentos nao pioraram nos últimos 6 meses (já estavam muito ruins, é verdade!).
      Abraços

      Excluir
  10. Boas,

    Deixa a PetroBrás que está a inverter a tendência. Os amigos brasileiros podem dizer, se o facto da Dilma poder ser re-eleita será bom para o Ibovespa?
    Comprei o indice após a quebra da resistência e está a render muito em poucos dias.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anonimo Português,
      Obrigado pela visita.
      Não sou muito chegado em análise técnica, então tento me manter afastado disso. Acho que a reeleição da Dilma seria péssimo para o país como um todo, não só para o Ibovespa. O Ibovespa pode cair, subir ou disparar, e não dá pra saber ao certo. Num primeiro momento acho que cairia se ela ganhasse, mas vai saber.
      Abraços

      Excluir
  11. Nao venda nada, só diminua proporcionalmente os aportes na petro a fim de balancear a carteira, simples.


    Mrc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mrc, é isso que estou tentando fazer, mas ela tá subindo muito mais que todas as outras, portanto a proporção está piorando. Tenho que ter paciência e aguentar firme.
      Abraços

      Excluir

 

Seguir por e-mail

Posts Populares

Blogs Favoritos

Estatísticas